CFM - Caminhos de Ferro de Moçambique

Trata-se do projecto de linha férrea ligando Moatize à Nacala, passando por Malawi incluindo a terminal de carvão em Nacala à velha. Neste projecto o CFM, aparece em parceria com a Vale, formando a sociedade CLN (de tipo PPP-

Participação Público-privada) que é a concessionária dos novos trechos desta corredor logístico. Está a ser construído com a capacidade de 30MTPA, devendo no seu arranque atingir uma capacidade de 22MTPA na linha férrea e 18MTPA na Terminal de carvão. A data de início da exportação de carvão é Dezembro de 2015. O Custo do empreendimento é de 4.5 Biliões de USD.