cfm logo

A linha férrea Nacala-Cuamba, com 533 km, foi totalmente reabilitada em período de guerra e teve um financiamento de 254 milhões de dólares provenientes de financiamentos da França, Portugal e da União Europeia.

O empreendimento foi também financiado, em moeda nacional, através de uma contribuição de 20 mil milhões de meticais do orçamento Geral do Estado, do Banco de Moçambique e do CFM. A super-estrutura da linha é de concepção moderna e encontra-se em bom estado de conservação.