Terminal de Contentores e Propósitos Múltiplos

terminalcontentoresportobeiraNo âmbito do processo de privatização do CFM, a Cornelder B.V (empresa holandesa) foi escolhida para constituir uma joint-venture com o CFM para a exploração dos terminais de contentores e de Carga Geral no Porto da Beira. Para o efeito, foi criada e registada a empresa Cornelder de Moçambique SARL, cabendo 70% das acções à Cornelder B.V e 30% ao CFM.

As infra-estruturas abarcam um Cais com 645 metros de comprimento, com uma profundidade junto ao Cais, projectada em 12 metros.

O Terminal possui dois pórticos porta-contentores navio-terra, com 36 metros de alcance e capacidade de manuseamento de contentores de 20, 40 e 45 pés e um máximo de capacidade de elevação de 50 toneladas no gancho e 40 no distribuidor. Um pórtico montado sobre carris para carga e descarga de vagões está a funcionar no recinto de contentores, que cobre uma área total de 200.000 metros quadrados.

granitobeiraO recinto possui 144 pontos de referência e uma área para armazenamento de granito. Existem também dois armazéns cobertos com uma área de cerca de 11.000 metros quadrados. A capacidade projectada para o terminal é de 100.000 Teus por ano. Dotado de equipamento moderno e mais de 30 computadores, estão criadas condições para maior controlo, rapidez e eficiência no manuseamento de carga.

FaLang translation system by Faboba